Selección de tipografías

Selección de tipografías

Selección de tipografías gratuitas que harán personalizar tus imágenes en la web o en cualquier diseño gráfico:

 

Reis

Esta tipografía transmite frescura, jovialidad y ritmo, es una fuente tipo Script que en títulos o imágenes con textos cortos se visualiza y lee bien. Lamentablemente su versión es solo en mayúsculas, regular y sin acentos, en formatos ttf y otf.

 

Un truco para que tus imágenes queden correctamente acentuadas es superponer una capa transparente y con el pincel a tamaño adecuado dibujarlos, luego para perfeccionar el estilo puedes dar pequeños retoques con la herramienta borrador.

 

Ha sido creada por Marcelo Reis Melo, para descargarla gratis os tenéis que registrar y compartirla en Facebook o Twitter. Se puede usar también para proyectos comerciales.

 

Komoda

 

tipografia-komoda

 

Tipografía elegante y muy actual. De la categoría Sans Serif, es ideal para títulos y carteles. Su versión solo está disponible en mayúsculas, regular y sin acentuación. Viene en formato otf.

 

Para acentuar esta fuente, crea una capa sobre el texto y usa la herramienta línea con los píxeles de grosor que necesites. Y para crear el rectángulo redondeado vacío, haces dos figuras con esa forma y distinto color, una de ellas la redimensionas unos píxeles más pequeña que la de abajo, seleccionas las dos y alineas centros verticales y horizontales, las rasterizas y combinas. Por último seleccionas la figura pequeña con la varita mágica,suprimes y deseleccionas.

 

La puedes descargar directamente y su uso es tanto personal como comercial.

 

Comic Neue

 

tipografia-comic

 

Las tipografías casuales están de moda. Comic Neue es una fuente completísima en estilos, light, light oblícua, regular, oblicua, negrita y negrita oblícua, y en gran número de idiomas.

 

El archivo que se descarga directamente de la página de los creadores, viene en formato otf y versión css y es gratuita para uso personal y comercial.

 

Merece la pena visitar el enlace y ver la gran labor de sus diseñadores.

 

Langdon

 

TIPOGRAFÍA-LANGDON

 

Langdon es muy funcional, es una pena que su descarga solo nos ofrezca un archivo en formato otf, sin acentos y únicamente en mayúsculas.

 

La tipografía está clasificada dentro de las sans serif y es muy versátil, pudiendo crear efectos diferentes jugando con varias capas de texto y añadiendo estilos. Concretamente el efecto de arriba se hizo tratando dos capas de texto casi superpuestas solo variadas unos píxeles en horizontal, la de arriba lleva borde del color del fondo y la de abajo toma el color del fondo aumentada en luminosidad.

 

El autor es Esteven Bonner.

 

Ostrich

 

Tipografía Avestruz

 

Ostrich tiene un resultado moderno y muy versátil. Es gratuita y está en mayúsculas y acentuada, en catorce formatos otf. Cinco de ellos son complementarios entre sí para crear efectos coloristas o con transparencias. Y tiene una versión de pago Ostrich Sans Round.

 

El diseñador  Tyler Finck  la creó para The League of Moveable Type.

 

Znikomit Nº24

 

ZnikomitNo24

 

Redondeada y muy ligera, tiene glifos alternos en “A”, “Q”, “R”, “V”, “W” y adornos decorativos con o sin relleno, dependiendo de la versión Thin o Regular.

 

Su aspecto es delicado y dulce, es idónea para textos de estilo artesanal o navideño. Alternándolo con otra tipodrafía o usando algunas letras el resultado es muy original.

 

La podéis descargar en glukfonts.pl.

 

Blogueiro 2.0

Blogueiro 2.0

Existem muitos motivos para criar um Blog e ir além e converter-se em um autêntico Blogueiro.

Selección de tipografías

Seleção de fontes

Seleção de fontes gratuitas que personalizarão suas imagens na web ou em qualquer desenho gráfico:

Reis

tipografia-reis

Esta fonte transmite frescor, jovialidade e ritmo, é uma fonte do tipo Script que em títulos ou imágens com textos curtos se visualiza e lê bem. Infelizmente sua versão é só em maiúsculas, regular e sem acentos, em formatos ttf e otf.

Um truque para que suas imagens fiquem acentuadas corretamente é sobrepor uma camada transparente e com o pincel com tamanho adequado desenhá-los, depois para aperfeiçoar o estilo você pode dar pequenos retoques com a ferramenta borracha.

Foi criada por Marcelo Reis Melo, para baixá-la gratuitamente você precisa se registrar e compartilhá-la no Facebook ou Twitter. É possível usá-la também em projetos comerciais.

Komoda

tipografia-komoda

Fonte elegante e muito atual. Da categoria Sans Serif, é ideal para títulos e cartazes. Sua versão só está disponível em maiúsculas, regular e sem acentuação. Vem em formato otf.

Para acentuar esta fonte, crie uma camada sobre o texto e use a ferramenta linha com os pixels da espessura que for necessária. E para criar o retângulo arredondado vazio, você pode fazer duas figuras com este formato e cores diferentes, uma delas você redimensiona uns pixels a menos que a de baixo, selecione as duas e alinhe os centros verticais e horizontais, rasterize e combine. Por último selecione a figura pequena com a varinha mágica, remova e desselecione.

Você pode baixá-la diretamente e seu uso é tanto pessoal quanto comercial.

Comic Neue

tipografia-comic

As fontes casuais estão na moda. Comic Neue é uma fonte completíssima em estilos, light, light itálico, regular, itálico, negrito e negrito itálico, e em um grande número de idiomas.

O arquivo que se baixa diretamente da páina dos criadores vem em formato otf e versão css e é gratuita para uso pessoal e comercial.

Fale a pena visitar o link e ver o grande trabalho de seus designers.

Langdon

TIPOGRAFÍA-LANGDON

Langdon é muito funcional. É uma pena que só nos seja oferecido um arquivo em formato otf, sem acentos e unicamente em maiúsculas.

A fonte está classificada dentro das sans serif e é muito versátil, podendo criar efeitos diferentes brincando com várias camadas de texto e adicionando estilos. Concretamente o efeito de acima foi feito tratando duas camadas de texto quase sobrepostas, apenas movidas uns pixels na horizontal, a de cima tem a borda da cor do fundo e a de baixo pega a cor do fundo aumentada em luminosidade.

O autor é Esteven Bonner.

Utilização correta das fontes. Regras a seguir

Utilização correta das fontes. Regras a seguir

Nos estudos prévios ao desenho web, um dos fatores mais importantes a se ter em conta é como utilizar as fontes de forma correta:

Uma fonte tipográfica é o conjunto de caracteres, números e símbolos com propriedades comuns que lhe proporcionam um estilo diferenciado. Uma família tipográfica mantém as características da fonte mas com algumas variações na espessura e na altura.

As fontes se dividem nas seguintes categorias:

Serif: são as famílias tipográficas que usam elementos de “derrame” (serifa) nas extremidades dos caracteres. Este desenho foi inventado na antiguidade quando os textos eram entalhados em pedra, para regular e igualar o tamanho das letras. Transmitem calma, domínio e solidez a um texto. Seus caracteres arredondados como c, o, p, b, etc. são um pouco maiores que o resto porque ao se misturarem no texto com os outros se visualizam menores. Classificam-se em Romanas, Glíficas e Caligráficas. As mais utilizadas são Book Antiqua, Bookman Old Style, Courier, Courier New, Garamond, Georgia, Lucida Bright, MS Serif, New York, Times, Times New Roman y Palatino.

Sans Serif: não têm serifa em suas extremidades. Foram criadas na Inglaterra no Século XIX. Têm os vértices retos e o traçado é coincidente. Os textos resultam sóbrios, modernos e de traçado seguro. Sua leitura em textos amplos se torna difícil, por isso seu uso se limita a rótulos ou títulos. Algumas são Arial, Chicago, Monaco, Tahoma, Helvética, Verdana y Univers.

Manuscritas ou script: seu nome já diz tudo. São usadas nos meios digitais como título principal ou para a assinatura do autor. São classificadas em Brush, Caligráfica, Canciller, Causal, Formal, Semi-formal Gráfico, Monoline…. Como exemplos temos Aelfa, Belphebe, Brush, Edwardian Script, English, Killigraphy, Medieval Victoriana y Vivaldi.

Exibição: são as mais atraentes de todas, sugerem épocas da história e aportam grande estilo. São utilizadas exclusivamente para o título. São muito decorativas, Antigua, Art Noveau, Art Deco, etc. As mais utilizadas são Terminator, Star Wars, Final Frontier e Jokerman, criadas pela indústria do entretenimento, arte e tecnologia., Killigraphy, Medieval Victoriana e Vivaldi.

Símbolos: Dingfonts e Dingbats, inserem sinais, padrões, logotipos, decorações, imagens e caracteres que não são alfabéticos. Seu uso é exclusivo para ressaltar e ornamentar textos e em desenhos.

Se você quiser alguns bons exemplos de fontes verifique esta seleção de fontes.

Devemos seguir algumas regras que nos levarão a usar a fonte correta:

Não mesclar fontes: Ao mesclar vários tipos de fonte não comunicamos o que queremos dizer de forma clara e perdemos a unidade da mensagem.

Não abusar dos estilos: se nos excedemos com o uso do negrito, itálico, sublinhado, etc. faremos com que o texto perca distinção e se torne sobrecarregado e pouco elegante.

Optar sempre pela legibilidade: na hora de escolher a fonte correta esta deve ser sempre fácil de se ler, com um desenho simples, sem texturas, sombras ou cores que dificultem sua leitura e compreensão.

“Kerning” e “Traking”: O espaçamento e o entrelinhado ao aproximar ou distanciar os caracteres sem querer, pode diminuir a harmonia do texto e a legibilidade.

Uso adequado da cor: para se conseguir uma leitura adequada levaremos em conta a tonalidade, valor e intensidade da cor usada e a fonte escolhida. Os olhos descansam mais se a leitura se faz sobre um fundo claro, com letra mais escura.

Tamanho: é  recomendável que a dimensão da fonte esteja entre 12 e 14 px.

Parágrafos bem diferenciados: para se conseguir una leitura relaxada onde o olhar percorra as linhas comodamente e sem cansaço, é recomendável formatar um texto com parágrafos cuidados.

Se tivermos em conta estes fatores na escolha da fonte correta para um website, estaremos dando profissionalidade ao design e isso levará nossa página a ter uma baixa taxa de rejeição dos visitantes e ampliará o número de usuários e leitores.

Utilização correta das fontes. Regras a seguir

Utilización correcta de las tipografías. Pautas a seguir

Cómo utilizar la tipografía correctamente es uno de los factores clave a tener en cuenta en los estudios previos al diseño web:
La tipografía correcta en su profundidad y concepto:

Una fuente tipográfica es el conjunto de caracteres, números y símbolos con propiedades comunes que le proporcionan un estilo diferenciado. Una familia tipográfica mantiene las características de la fuente pero con algunas variaciones en el grosor y la anchura.

Las tipografías se dividen en las siguientes categorías:

Serif: son las familias tipográficas que usan remates en los bordes de los caracteres, este diseño se inventó en la antigüedad cuando los textos se escribían con cincel en piedra, para regular e igualar el tamaño de las letras. Aportan calma, dominio y solidez a un texto. Sus caracteres redondeados como la o, c, p, b, etc. son un poquito más grandes que el resto porque al combinarse en el texto con las otras se visualizan más pequeñas. Se clasifican en Romanas, Glífico y Caligráficas. Las más usadas son Book Antiqua, Bookman Old Style, Courier, Courier New, Garamond, Georgia, Lucida Bright, MS Serif, New York, Times, Times New Roman y Palatino.

Sans Serif: no tienen serifa en sus bordes. Fueron creadas en Inglaterra en el S.XIX. Tienen los vértices rectos y el trazado es coincidente. Los textos resultan sobrios, modernos y de trazado seguro. Su lectura en textos amplios resulta difícil por eso su uso se limita a rótulos o títulos. Algunas son Arial, Chicago, Mónaco, Tahoma, Helvética, Verdana y Univers.

Manuscritas o script: su nombre ya lo indica todo. Las usamos en los medios digitales como titulo principal o para la firma del autor. Se clasifican en Brush, Caligráfica, Canciller, Causal, Formal, Semi-formal Gráfico, Monolínea…. Como ejemplos tenemos Aelfa, Belphebe, Brush, Edwardian Script, English, Killigraphy, Medieval Victoriana y Vivaldi.

Exhibición: son las más atrayentes de todas, sugieren épocas de la historia y aportan gran estilo. Se utilizan exclusivamente para el título. Son muy decorativas, Antigua, Art Noveau, Art Decó, etc. Las más utilizadas son Terminator, Star Wars, Final Frontier y Jokerman, creadas por la industria del entretenimiento, el arte y la tecnología., Killigraphy, Medieval Victoriana y Vivaldi.

Símbolos: Dingfonts y Dingbats, insertan signos, patrones, logotipos, decoraciones, imágenes y caracteres que no son alfabéticos. Su uso es exclusivo para resaltar y  ornamentar textos y en dibujos.

Si quieres algunos buenos ejemplos de fuentes mira esta selección de tipografías.

Debemos seguir unas pautas que nos llevarán a usar la tipografía correcta:

No mezclar tipografías: Si se mezclan varios tipos de tipografía no comunicamos lo que queremos decir de forma clara y perdemos la unidad del mensaje.

No abusar de los estilos: si nos excedemos con el uso de negrita, cursiva, subrayado, etc. haremos que el texto pierda distinción y resulte sobrecargado y poco elegante.

Optar siempre por la legibilidad: a la hora de elegir la tipografía correcta ésta debe ser siempre fácil de leer, con un diseño sencillo, sin texturas, sombras o colores que dificulten su lectura y comprensión.

«Kerning” y “Traking”: El espaciado y el interlineado al acercar o alejar los caracteres sin querer, puede perder la armonía del texto y la legibilidad.

Uso adecuado del color: para lograr una lectura adecuada tendremos en cuenta el tono, valor e intensidad del color usado y la fuente elegida. Los ojos descansan más si la lectura se hace sobre un fondo claro, con letra más oscura.

Tamaño: es recomendable que la dimensión de la fuente esté entre los 12 y 14 px.

Párrafos bien diferenciados: para conseguir una lectura relajada  donde el ojo recorra las líneas cómodamente y si cansancio, es recomendable lograr un texto con párrafos cuidados.

Si se tienen en cuenta estos factores en la elección de la tipografía correcta para un sitio web, estaremos aportando éxito al diseño y conllevará a  tener una baja la tasa de rebote de visitantes y ampliará el número de usuarios y lectores.

Descobrindo a magia dol copywriting

Descobrindo a magia dol copywriting

A tradução literal de copywriting é a redação de textos publicitários, mas para chegar a isso é preciso fazer primeiro um estudo profundo do produto que queremos vender.

Este processo se converte em uma arte, se além do conhecimento que temos das técnicas a aplicar, utilizamos a percepção do cliente a nosso favor e transmitimos a ele uma mensagem contundente. Isso reforçará ainda mais a opinião positiva do consumidor e assim falamos dessa arte que torna atrativa qualquer coisa que, apresentada de outra maneira, passaria despercebida com toda certeza.

Partiremos da premissa fundamental do marketing de satisfazer os desejos do consumidor e como chegar a poder satisfazê-lo com nosso produto. Para isso, podemos segmentar essa necessidade dependendo de se já temos uma mercadoria, com o qual teremos que buscar um clietne para ela, ou mesmo criando um produto que, com a análise prévia de mercado, deduzimos que tem demanda. Se nos encontramos na primeira situação, teremos que fazer uma segmentação do mercado, saber o perfil do cliente potencial de nossa mercadoria e encontrar o caminho para nos dirigirmos a ele com o máximo de profissionalismo.

O conhecimento das técnicas e ferramentas necessárias para obter uma boa campanha é importantíssimo. Por isso, uma vez analisado o perfil do consumidor poremos mãos à obra na apresentação do produto e depois utilizaremos todos os mecanismos imprescindíveis para fazê-lo chegar a ele. Nosso artigo deve ser de qualidade, com preço competitivo e uma apresentação impecável. A imagem do produto deve destacar o melhor dele e criar uma conexão com o cliente.

Durante todos os artigos que compõem esta seção de copywriting vamos utilizar um produto aleatório como exemplo, sempre o mesmo para podermos observar e comparar a evolução. Neste caso escolhemos uma bicicleta que será vendida em uma loja virtual e criaremos sua campanha.

A página em que será vendida terá todos os elementos técnicos necessários para trazer segurança, confiabilidade e informações ao comprador. Apresentará o produto em um slider em sua página principal, terá sua própria landing page, sua página de compra como os demais produtos, haverá uma campanha por e-mail, nas redes sociais e no Google.

A fotografia como requisito fundamental de percepção:

Podemos representar nosso produto de maneira individual ou colocando em situação prática ao cliente. Individualmente é conveniente mostrar o artigo com uma boa luz de estúdio, sem nada que distraia a atenção do espectador e fazendo zooms dos componentes mais importantes. A resolução e a perspectiva da foto mostrarão um produto impecável, sem deformidades e com o máximo realismo possível.

Mal

Exemplo de dos fotografias de um mesmo produto em páginas web diferentes.

Título e descrição do produto:

Colocar um título pensando nos buscadores e otimizar o SEO ao máximo nos facilitará o trabalho posterior de expansão e posicionamento na internet. Uma boa descrição e a informação técnica mais significativa servirão para comunicar ao cliente a maior quantidade possível de dados que ele precisa para conhecer e confiar no produto.

Também podemos aumentar vendas se mostrarmos módulos ou plugins de redes sociais, opiniões ou sliders de artigos relacionados com o produto.

Filtros de navegação por categorias:

Se estão bem estruturados facilitam a busca de produtos específicos. É aconselhável que o produto tenha as características o mais bem definidas possível, marca, cor, tamanho, etc.

Muitos clientes utilizam a pesquisa facetada se estão buscando um artigo ou seus similares, pois dessa forma encontrar o produto desejado será muito mais rápido e eficaz dentro de sua categoria.

Quando o produto já está online é hora de começar a campanha publicitária.

Blogueiro 2.0

Blogueiro 2.0

Existem muitos motivos para criar um Blog e ir além e converter-se em um autêntico Blogueiro.

Si continúas utilizando este sitio suponemos que aceptas el uso de cookies. más información

Los ajustes de cookies de esta web están configurados para "permitir cookies" y así ofrecerte la mejor experiencia de navegación posible. Si sigues utilizando esta web sin cambiar tus ajustes de cookies o haces clic en "Aceptar" estarás dando tu consentimiento a esto.

Cerrar